Ao Vivo

  • FMF planeja reinício do Estadual para junho e com semifinal e final em jogo único

    Adriano Aro revela plano para encurtar datas e terminar o Mineiro

    Enquanto os clubes da capital, aos poucos, vão retomando as atividades depois do período de férias forçadas pela pandemia do novo coronavírus, a Federação Mineira de Futebol trabalha nos bastidores para acertar uma data para o retorno do Estadual. O presidente da FMF, Adriano Aro, revelou que há um plano de encurtar as datas, com semifinal e decisão disputadas em partida única. A ideia, segundo ele, é encerrar o campeonato dentro de campo.

    Adriano Aro participou de uma live e disse que a FMF trabalha com a possibilidade de retomar o Campeonato Mineiro no início de junho. Mas ele deixou evidente que precisa de um entendimento entre governo estadual e as administrações municipais, além da esfera federal e da própria CBF, para a retomada do futebol.

    “Pelo que tenho visto e pelas conversas que tenho tido com a Secretaria de Saúde, e sendo realista, diria que na primeira semana de junho (o Mineiro poderia voltar). Mas tudo depende do cenário, pois a volta não depende só do governador. É importante esclarecer isso. Além do governador, o prefeito tem que dar o aval também”, destacou o dirigente.

    “Em BH eu tenho conversado com o prefeito Alexandre Kalil e ele disse que aqui não teremos a volta do futebol tão cedo. Isso é complicador para essa volta. Tenho conversado com o presidente Rogério Caboclo (da CBF), fizemos muitas reuniões com presidentes de federações, o grande desafio da CBF é que, para voltar com as competições nacionais, é preciso de homogeneidade em termos de federações”, acrescentou.

    Final e semi em jogo único

    Adriano detalhou parte do plano para retomada do futebol em Minas. A pretensão da FMF é que o Módulo I seja finalizado em campo, com datas mais curtas. No caso, uma opção seria a realização de semifinal e final em sistema de jogo único, em vez de ida e volta, como previsto no regulamento.

    “Para terminar o Módulo I, precisamos de seis datas. Existe uma possibilidade de fazer semifinal e final em jogo único. Isso não está descartado, pois encurtaria para quatro datas, ou seja duas semanas, que poderiam ser feitas da seguinte maneira: uma data, duas datas, e se começarem os campeonatos nacionais, intercalá-las às outras datas. Pois aí teríamos menos equipes. A federação não trabalha com a hipótese não terminar o Campeonato Mineiro”, frisou.

    Outra preocupação do dirigente é o contrato com a TV detentora dos direitos de transmissão do Estadual. Adriano Aro disse que os clubes têm cotas de partidas a cumprir. “Trabalhamos com a hipótese de término do Mineiro, até porque as equipes já receberam integralmente o valor da cota da televisão. E por contrato, elas são obrigadas a cumprir um número mínimo de jogos. Claro que tudo isso será feito se tivermos condição de saúde para todos”, comentou.

    Superesportes

  • ‘País do futebol’: rodada do Campeonato Alemão termina com mais uma goleada

    Mesmo jogando fora de casa, o Bayer Leverkusen complicou ainda mais a situação do Werder Bremen ao vencer pelo placar de 4 a 1, no vazio Weserstadion

    A primeira rodada do Campeonato Alemão após a paralisação causada pela pandemia foi encerrada nessa segunda-feira (18) com goleada. Mesmo jogando fora de casa, o Bayer Leverkusen complicou ainda mais a situação do Werder Bremen ao vencer pelo placar de 4 a 1, no vazio Weserstadion.

    Como aconteceu ao longo do fim de semana, com a retomada da primeira divisão do Alemão, o jogo foi marcado por comemorações de gols mais contidas em razão da ausência de público nas arquibancadas. No banco de reservas, jogadores usavam máscara e sentavam com certa distância entre si.

    Com a bola rolando, o Bayer esbanjou superioridade ao longo dos 90 minutos. Kai Havertz foi um dos nomes da partida ao balançar as redes por duas vezes, ambas no primeiro tempo. Aos 28, ele abriu o placar ao aproveitar a assistência de Moussa Diaby.

    O Werder mostrou certa resistência e empatou dois minutos depois, com Theodor Gebre Selassie. Mas os visitantes voltaram a liderar o marcador logo em seguida. Havertz novamente mandou para as redes, desta vez com passe de Kerem Demirbay.

    No segundo tempo, o Bayer elevou o ritmo e praticamente não deu chances aos donos da casa. Aos 15, Diaby avançou até a linha de fundo, pela esquerda, e cruzou com precisão para Mitchell Weiser, que surpreendeu a defesa e cabeceou praticamente livre para o gol. O quarto gol veio aos 32, quando Demirbay recebeu belo passe de Karim Bellarabi, e, quase da marca do pênalti, acertou linda cavadinha para superar o goleiro Jiri Pavlenka.

    O brasileiro Paulinho entrou nos minutos finais, no lugar de Charles Aranguíz (ex-Internacional), e teve poucas oportunidades para aumentar a vantagem dos visitantes.

    Com o resultado, no encerramento desta 26ª rodada, o Bayer Leverkusen ocupa a quinta posição da tabela, ainda sonhando em brigar pelo título. Tem 50 pontos, contra 58 do líder Bayern de Munique. Já o time de Bremen soma apenas 18 e está em 17º lugar, o penúltimo da tabela, já dentro da zona de rebaixamento.

    Super.FC

junho 2020
D S T Q Q S S
« maio    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930