Contra o Corinthians, Atlético busca recorde de vitórias seguidas em casa no Brasileirão

Jogar em casa nem sempre é sinônimo de resultados positivos, mas esse tem sido um dos principais trunfos do Atlético na briga pelo título brasileiro em 2021. Em 15 jogos disputados no Mineirão, o time alvinegro somou 88,89% dos pontos disputados. Foram 13 vitórias, um empate e apenas uma derrota. Nesta quarta-feira (10), o Galo pode bater um recorde histórico.

Se vencer o Corinthians no Mineirão, o Atlético chegará a 13 triunfos consecutivos como mandante. Até aqui, o recorde de vitórias seguidas em casa no Campeonato Brasileiro é de 12 jogos. Essa marca foi atingida duas vezes pelo próprio Galo e também pelo Santos em 2015.

Além da série atual, o Atlético venceu 12 jogos seguidos como mandante no Brasileirão em 2016. Sob o comando de Marcelo Oliveira, a equipe alvinegra conquistou a série invicta no Independência.

Desta vez, o time do técnico Cuca perdeu no Mineirão apenas na primeira rodada, diante do Fortaleza. Na sequência, jogando como mandante, venceu o São Paulo e empatou com a Chapecoense.

Desde o placar de 1 a 1 com a equipe catarinense, em 21 de junho, o Galo ganhou todos os jogos que disputou em casa pelo Campeonato Brasileiro.

Aproveitamento em casa pode garantir o título

Até o fim do Brasileirão, o time comandado por Cuca jogará quatro vezes no Gigante da Pampulha. Além do Corinthians, receberá Juventude, Fluminense e Red Bull Bragantino.

Se mantiver o retrospecto positivo e vencer todos esses quatro confrontos, o Galo somará mais 12 pontos como mandante. Essa pontuação, aliada aos 65 pontos que a equipe já tem, pode garantir o título brasileiro para o Atlético em 2021.

De acordo com o departamento de matemática da UFMG, o time que alcançar 77 pontos no Campeonato Brasileiro tem 98,8% de chances de ser o campeão.

Além disso, em toda a Era dos Pontos Corridos com 20 participantes, a maior pontuação já atingida por um vice-campeão foi 74 pontos.

 

Fonte: Hoje em Dia

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.