Fim da linha? Cruzeiro precisa vencer todos os jogos restantes para ter chances de acesso à Série A

A 11 rodadas do fim da Série B, o Cruzeiro praticamente viu o fim de suas chances de disputar a Primeira Divisão em 2022. Com o empate com o Guarani, por 1 a 1, na noite desta quarta-feira (29), em Campinas, o time celeste precisa vencer todos os seus jogos para ainda ter chances de subir para a Série A.

Caso consiga atingir o aproveitamento perfeito, o Cruzeiro terminará a Série B com 65 pontos. De acordo com o departamento de matemática da UFMG, essa pontuação representa 99,38% de chances de acesso à Primeira Divisão.

Depois de 27 rodadas, o Avaí é o último time do G-4, com 46 pontos, a 14 do Cruzeiro. Se o aproveitamento do quarto colocado ao fim da Série B for o mesmo que o time catarinense tem agora, serão necessários justamente 65 para chegar à elite do futebol nacional.

A tendência é de que um novo tropeço encerre de vez qualquer chance da Raposa de voltar à Primeira Divisão no próximo ano. Se vencer dez jogos e empatar um, a equipe fará 63 pontos. Para essa marca, ainda de acordo com a UFMG, a probabilidade de subir para a Série A cai para 94,18%.

É válido lembrar que o Cruzeiro venceu apenas seis partidas em 27 rodadas disputadas.

Luta contra rebaixamento é cenário mais realista

A cada rodada mais distante da volta à Série A, o Cruzeiro volta a sofrer com a ameaça de rebaixamento. A equipe encerrou a 27ª rodada da Segunda Divisão na 15ª colocação, a cinco pontos do Z-4.

Enquanto a probabilidade de acesso à elite é calculada pela UFMG em apenas 0,05%, a chance de queda é de 11,2%.

Fonte: Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.