Há um mês em Belo Horizonte, Diego Costa é preparado para ser titular do Atlético

Diego Costa: titular contra o Sport. Certeza ou possibilidade? Nesta sexta-feira (17), completa-se um mês desde que o centroavante desembarcou em Belo Horizonte, cercado de expectativa pela torcida alvinegra. Dali em diante, o hispano-brasileiro vem sendo cuidadosamente preparado pela comissão técnica do Galo para chegar a um condicionamento físico adequado a fim de suportar a intensa maratona de jogos que os comandados de Cuca têm enfrentado e se tornar um dos 11 principais.

Com a camisa do Atlético, são três jogos, sempre saindo do banco de reservas. No primeiro deles, um cartão de visitas e tanto, ao marcar o gol do empate em 1 a 1 com o Red Bull Bragantino, em 29 de agosto. Neste embate, esteve em campo durante 30 minutos

Após um hiato sem jogos, em decorrência da rodada tripla das Eliminatórias para a Copa do Catar, Diego ganhou mais duas semanas de preparação, sendo acionado no triunfo por 2 a 0 sobre o Fortaleza, no último domingo. Permaneceu no gramado por 28 minutos.

Evolução 

Na vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense, nessa quarta-feira, em seu primeiro desafio no Mineirão, no jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil, Diego Costa teve a maior minutagem em uma partida pelo Galo desde que chegou ao clube, ao atuar durante todo o segundo tempo. Com muita movimentação e sintonia com Hulk, o camisa 19 mudou a cara do jogo, dando maior poderio ofensivo ao Alvinegro.

Diante da boa atuação e do maior tempo em campo, naturalmente emergiu o questionamento quanto à presença de Diego entre os titulares no confronto com o Sport, neste sábado (18), às 19h, no Gigante da Pampulha, pela 21ª rodada da Série A.

Em coletiva após o duelo com o Flu, Cuca preferiu não estipular prazo para a presença da estrela nos 11 iniciais, lembrando que o atacante ficou mais de oito meses sem atuar antes de estrear pelo Atlético.

O certo é que o treinador segue tendo que administrar o elenco em meio a uma intensa sequência de jogos. Três dias depois de encarar o Leão, o Atlético vai medir forças com o Palmeiras, no primeiro duelo da semifinal da Copa Libertadores, em São Paulo.

Sem Savarino, em recuperação de lesão, e com o natural desgaste da dupla Hulk e Vargas, Diego Costa será cada vez mais utilizado. Resta saber se desde o início ou no decorrer dos 90 minutos.

 

Fonte: Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.