Com alteração de jogo, é adiada a possibilidade de o Galo marcar seu 200° gol no Novo Mineirão

Após três jogos seguidos fora de casa, sendo dois no Brasileirão (contra Fluminense e Bragantino) e um na Copa do Brasil (também diante do Tricolor Carioca), o Atlético voltaria a mandar uma partida no Gigante da Pampulha no dia 5 de setembro, perante o Grêmio, no encerramento do primeiro turno da Série A. Mas o duelo foi adiado (com nova data ainda a ser definida), em função da convocação da Seleção para as Eliminatórias Sul-Americanas. E juntamente com este confronto, adiou-se também a possibilidade de o Galo chegar ao seu 200° gol no Novo Mineirão.

Desde a reinauguração do estádio, em 2013, o Alvinegro balançou as redes 198 vezes em 106 embates, média de 1,86 gol a cada 90 minutos. E, se fizer valer o desempenho de seus últimos cinco desafios no local, o time alcançará (ou mesmo ultrapassará) a marca de 200 bolas na rede na próxima vez que pisar no gramado da arena da Pampulha.

Nesse período em questão, o Atlético anotou dois ou mais gols: vitórias por 2 a 0 sobre Bahia, Athletico-PR e Palmeiras e por 3 a 0 em cima do Tricolor Baiano e do River Plate.

Além disso, das 24 ocasiões em que o Galo atuou no Gigante, 16 tiveram dois ou mais gols do Alvinegro.

Desempenhos

Nas 24 partidas em competições de 2021, o Atlético já anotou 50 gols, ou seja, 2,08 por jogo. Mas a melhor média do time no estádio repaginado se deu em 2014, com 2,67 gol por duelo (16 bolas na rede em seis confrontos). Naquele ano, contribuíram bastante para essa marca as goleadas por 4 a 1 diante de Corinthians e Flamengo, na campanha do título da Copa do Brasil, e os 4 a 3 sobre o Lanús, pela Recopa Sul-Americana.

O pior desempenho da equipe preta e branca no Novo Mineirão é de 2018, quando não balançou as redes nas duas únicas partidas em que esteve presente no estádio: derrota por 2 a 0 e empate em 0 a 0, ambos em clássicos contra o Cruzeiro.

Artilheiros

Savarino e Hulk são protagonistas de uma briga sadia pelo posto de maior artilheiro do Galo nesta nova era do Gigante. Os dois comandados de Cuca e o argentino Lucas Pratto são os alvinegros que mais estufaram as redes: cada um deles anotou 12 gols.

Savaliso e o Vingador são também fortíssimos candidatos a marcar o 200° gol do Atlético na história do Novo Mineirão em um capítulo ainda a ser definido.

Atlético no Novo Mineirão

106 jogos
64 vitórias
22 empates
20 derrotas
198 gols marcados
95 gols sofridos

Gols por temporada

2013
Gols: 7
Jogos: 5
Média de gols por jogo: 1,4

2014
Gols: 16
Jogos: 6
Média de gols por jogo: 2,67

2015
Gols: 13
Jogos: 9
Média de gols por jogo: 1,4

2016
Gols: 28
Jogos: 12
Média de gols por jogo: 2,3

2017
Gols: 9
Jogos: 8
Média de gols por jogo: 1,12

2018
Gols: 0
Jogos: 2
Média de gols por jogo: –

2019
Gols: 22
Jogos: 15
Média de gols por jogo: 1,46

2020
Gols: 53
Jogos: 25
Média de gols por jogo: 2,12

2021
Gols: 50
Jogos: 24
Média de gols por jogo: 2,08

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.