Luxemburgo destaca Cruzeiro superior, pede salários em dia e revela “dietazinha” de Claudinho

Treinador do Cruzeiro chega à quinta partida invicta com o Cruzeiro e projeta crescimento da equipe na Série B

A era Vanderlei Luxemburgo tem retomado a alegria do Cruzeiro e de seu torcedor, antes percebida em raros momentos. Com a vitória por 1 a 0 sobre o Confiança, o treinador chegou ao quinto jogo seguido invicto pela Raposa. Na coletiva, Luxa elogiou os jogadores e destacou a importância de manter o bom ambiente no clube.

– Torcida compareceu. Acho que teve quase lotação máxima. Mas colaborou com a equipe, é o centroavante da equipe. Se prepara, tem concentração na sede. Tivemos supremacia no jogo, onde jogamos e não deixamos o Confiança jogar. Não lembro de defesa importante do Fábio no jogo. Segundo jogo que passamos sem tomar gol. Temos falado com os jogadores que, se não tomar, um gol nosso vai sair.

“Vim para o Cruzeiro que eu conheço, de Primeira Divisão, a nível de grandeza, jogando a Segunda Divisão, que às vezes tem que jogar um jogo feio, horrível. Mas temos que jogar. Estamos num caminho certo e vamos continuar dessa forma”
Vanderlei Luxemburgo observa Cruzeiro em ação na partida diante do Confiança — Foto: Fernando Moreno/AGIF

Vanderlei Luxemburgo observa Cruzeiro em ação na partida diante do Confiança — Foto: Fernando Moreno/AGIF

Ainda sobre a partida, o treinador disse que precisou ser mais incisivo na parte ofensiva, na segunda etapa. Tática que se mostrou eficaz.

– Temos que manter a concentração, a competitividade e jogando o adversário para trás. No segundo tempo, arrisquei um pouco mais, coloquei o Felipe Augusto, precisava de uma passada mais para frente. Arrisquei com o Adriano, Claudinho e Giovanni para furar, porque eles tinham uma linha de 5 e só o Hernane na frente. Eles faziam 5-4-1 e é complicado. Tivemos paciência para furar o bloqueio, tivemos algumas possibilidades, e a gente sai satisfeito com a vitória.

Comprometimento mútuo

Luxemburgo voltou a ressaltar a importância de manter os salários em dia no Cruzeiro. Ele revelou que os vencimentos de julho, para os jogadores, precisam ainda ser acertados.

“É o Cruzeiro jogando a Série B e com expectativa de crescimento. Tem um custo. O Cruzeiro tem que buscar o melhor para cada jogador. A grande contratação foi colocar o pagamento dos jogadores em dia, dos funcionários na Toca”

– Hoje você vê alegria na Toca. Mas não termina. Temos julho para receber, que foi para pagar os funcionários. Tem que os dirigentes buscar o comprometimento. Não adianta só a gente se comprometer com o Cruzeiro. É importante que o clube se comprometa com os nossos compromissos, dos funcionários e dos jogadores. Eles estão buscando, eles estão preocupados, buscar a melhor alternativa.

Dieta de Claudinho

O treinador também comentou sobre um fato fora das quatro linhas. Perguntado sobre Claudinho, que teve boa atuação diante do Confiança, o treinador disse que precisou fazer o meia “entrar na sintonia” do time. Uma das medidas foi sugerir uma dieta. Ele elogiou o jogador.

– Claudinho tem entrado nos jogos e bem. Ele tem uma encostada nos atacantes, ele limpa a frente e acha os companheiros. Só que ele estava um pouco fora de sintonia. Apertei ele bastante, estou fazendo ele faz uma dietazinha, emagrecer, entrar num ritmo diferente. Fazer trabalho diferente, após os treinamentos, para completar os treinamentos. E tem feito isso. Por isso que tem conquistado espaço. Jogador que a gente pode contar com ele.

Fonte:ge.globo.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.