Atlético perde de novo, despenca na tabela do Brasileirão e escancara baixa produção ofensiva

O Atlético segue em queda livre na Série A do Campeonato Brasileiro, pois chegou ao terceiro jogo seguido sem vitória ao ser derrotado pelo Santos por 2 a 0, neste domingo (27), na Vila Belmiro, em confronto válido pela sétima rodada.

O time do técnico Cuca, que atuou desfalcado de 13 jogadores, pois tem atletas machucados, se recuperando da Covid-19 e defendendo suas respectivas seleções na Copa América, voltou a ter muita dificuldade na armação de jogadas.

As ações ofensivas se resumiram praticamente a Hulk, assim como vem acontecendo nos últimos jogos, mas neste domingo o atacante não estava muito inspirado e ainda contou com um Hyoran sem inspiração e um Keno que não consegue repetir o grande desempenho da temporada 2020.

Depois de um primeiro tempo fraco tecnicamente, com muitos erros de passes e decisões equivocadas de ambos os lados, na etapa final a partida teve um panorama diferente.

E para azar atleticano, o jogo ficou mais favorável ao Santos. Logo aos 11 minutos, Marcos Guilherme arrancou pela esquerda, serviu a Kaio Jorge e o centroavante rolou para Jean Mota, de dentro da área, fuzilar Éverson.

Cuquinha, que estava no banco de reservas dirigindo o time, pois Cuca cumpriu suspensão pela expulsão no Castelão, na última quinta-feira (24), tentou dar força ofensiva ao Galo colocando os garotos Felipe Felício e Luiz Filipe, mas eles entraram sem a menor inspiração.

O Santos se preocupou mais em defender a vantagem do que tentar ampliar o placar e foi pouco ameaçado pelo Atlético, que teve apenas uma grande chance, com Gabriel, mas o zagueiro errou na decisão e preferiu tentar dominar a bola a finalizar de primeira, dentro da pequena área santista.

Na reta final da partida, o volante Allan recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Num contra-ataque, aos 49 minutos, Madson serviu Marcos Guilherme que tocou para o gol vazio.

O Atlético volta a jogar pela Série A do Campeonato Brasileiro na próxima quinta-feira, quando recebe o Atlético-GO, às 19h, no Mineirão, em partida válida pela oitava rodada.

A FICHA DO JOGO

SANTOS 2
João Paulo; Pará (Madson), Luiz Felipe, Luan Peres e Felipe Jonatan; Ivonei (Vinícius Balieiro), Jean Mota e Gabriel Pirani (Carlos Sánchez); Marinho, Kaio Jorge e Marcos Guilherme. Técnico: Fernando Diniz

ATLÉTICO 0
Everson; Guga (Mariano), Gabriel, Réver e Guilherme Arana; Allan, Tchê Tchê (Calebe), Jair (Zaracho) e Hyoran (Felipe Felício); Keno (Luiz Filipe) e Hulk. Técnico: Cuca

DATA: 27 de junho de 2021
ESTÁDIO: Vila Belmiro
CIDADE: Santos
MOTIVO: 7ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
GOL: Jean Mota, aos 11; e Marcos Guilherme aos 49 minutos do segundo tempo
ARBITRAGEM: Bruno Arleu de Araujo, auxiliado por Michael Correia e Carlos Henrique Alves de Lima Filho, todos do Rio de Janeiro
VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
CARTÃO AMARELO: Pará, Marinho, João Paulo e Marcos Guilherme (Santos); Guilherme Arana e Zaracho (Atlético)
CARTÃO VERMELHO: Allan (Atlético)

 

Fonte: Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.