Bicampeão!! A hegemonia continua!

O Atlético segue ampliando sua hegemonia em Minas Gerais. Neste sábado (22), se sagrou bicampeão mineiro ao empatar sem gols com o América, no Mineirão, no segundo jogo da final.
A primeira partida da decisão também terminou empatada e o Galo conquistou o 46º título estadual por ter feito a melhor campanha na fase classificatória.
O primeiro tempo foi de domínio atleticano. As grandes chances foram do Galo, começando pela finalização de Igor Rabello. No lance, aos 17 minutos, Savarino recebeu lançamento de Arana na grande área pela direita e ajeitou a bola para o meio da área, o zagueiro se atirou e conseguiu finalizar, mas parou na grande defesa do goleiro Matheus Cavichioli.
Três minutos depois, Nacho levantou a bola na área em cobrança de falta da intermediária, Igor Rabello escorou de cabeça e Hulk concluiu também de cabeça, para outra intervenção do goleiro americano.
Nacho quase abriu o placar aos 34 minutos, quando recebeu passe de Hulk na entrada da área e chutou no canto para a ótima defesa de Cavichioli. O craque argentino voltou a levar perigo aos 44, em chute de fora da área, e a bola saiu por cima do gol.
O técnico Cuca manteve o time para o segundo tempo. Logo aos três minutos, o árbitro marcou pênalti duvidoso de Igor Rabello sobre Felipe Azevedo. Rodolfo fez a cobrança e a bola foi no travessão.
Em seguida, Keno e Jair foram substituídos por Marrony e Zaracho, respectivamente.
Em sua primeira participação, Marrony arriscou chute de fora da área e a bola desviou no zagueiro antes de sair pela linha de fundo. Nacho cobrou o escanteio pela esquerda e Igor Rabello cabeceou com perigo, mas a bola saiu rente à trave.
Nacho tentou mais uma vez de fora da área, aos 22, e a bola saiu à direita do gol. Quatro minutos mais tarde, Savarino deixou o campo para a entrada de Vargas.
O jogo seguiu bastante disputado, mas sem outras oportunidades reais de gol. Nos minutos finais, Hulk deu lugar a Sasha e Hyoran entrou na vaga de Nacho.
O empate sem gols permaneceu e o Galo, por ter feito a melhor campanha na fase classificatória, conquistou Minas Gerais pela 46ª vez.
MELHORES MOMENTOS
Libertadores – Garantido no primeiro lugar de sua chave e com o objetivo de terminar a fase de grupos com a melhor campanha da competição, o Galo voltará a campo nesta terça-feira (25), para enfrentar o Deportivo La Guaira, da Venezuela, pela sexta e última rodada do Grupo H da Copa Libertadores da América. A partida será realizada às 21h30, no Mineirão.
FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO 0 x 0 AMÉRICA
Competição: Campeonato Mineiro: Etapa: Final (jogo de volta)
Data: 22/05/2021 (sábado)
Estádio: Mineirão
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Atlético
Everson; Guga, Igor Rabello, Júnior Alonso (C), Guilherme Arana, Jair (Zaracho), Tchê Tchê, Nacho Fernández (Hyoran), Savarino (Vargas), Keno (Marrony) e Hulk (Eduardo Sasha).
Técnico: Cuca.
América
Matheus Cavichioli; Diego Ferreira, Eduardo Bauermann, Anderson Jesus, Marlon (Geovane), Zé Ricardo, Juninho (Ramon), Alê, Felipe Azevedo (Leandro Carvalho), Rodolfo José (Ribamar) e Ademir (Bruno Nazário).
Técnico: Lisca.
Cartões amarelos: Tchê Tchê, Hulk, Guilherme Arana, Guga (Atlético); Anderson Jesus, Leandro Carvalho (América)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima
Árbitro Assistente 1: Felipe Alan Costa de Oliveira
Árbitro Assistente 2: Marcus Vinicius Gomes
Quarto Árbitro: Antônio Márcio Teixeira da Silva
Quinto Árbitro: Magno Arantes Lira
Inspetor: Juliano Lopes Lobato
Árbitro de Vídeo (VAR): Emerson de Almeida Ferreira
AVAR1: Ricardo Marques Ribeiro
AVAR2: Frederico Soares Vilarinho
Observador de VAR: Márcio Eustáquio Sousa Santiago

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.