Fora de casa, América luta até o final, mas é superado pelo Tombense

Neste domingo, fora de casa, o América foi superado, por 2 a 1, pelo Tombense-MG em jogo com erros de arbitragem. Pela 9ª rodada, a equipe americana lutou até o final, mas não conseguiu reverter a vantagem adversária no Almeidão, em Tombos (MG). O gol americano foi marcado por Anderson.

Com o resultado, o Coelho segue com 16 pontos e ocupa a 3ª posição na tabela.

Agora o América vira a chave e retorna o foco para a Copa do Brasil 2021. Pela Fase 2 da competição, a equipe americana enfrenta o Ferroviário-CE, às 19h, na Arena Independência, em Belo Horizonte, nesta quarta-feira.

O jogo

A partida começou com uma boa saída de bola do América e bons ataques realizados, principalmente, por Rodolfo. Mas, aos 12 minutos, a equipe adversária conseguiu marcar o primeiro gol da partida, 1 a 0. Poucos minutos depois, o Tombense-MG teve um pênalti marcado a favor e ampliou o placar, 2 a 0 para os mandantes.

Aos 30 minutos, o Coelho teve duas boas chances, a primeira em uma triangulação com Rodolfo, Marcelo Toscano e Gustavo, mas o goleiro conseguiu defender o chute do jovem meia. Já na segunda chance, Zé Ricardo pegou firme na bola na linha da pequena área e chutou forte para o gol, mas o defensor do Tombense-MG realizou mais uma boa defesa.

Na segunda etapa, a equipe americana voltou ainda mais ofensiva e conseguiu criar boas jogadas. As melhores chances vieram com Bruno Nazário e Gustavo. O Coelho ainda teve duas penalidades não marcadas a favor. Até o último minuto o América seguiu pressionando e chegando com perigo, mas não conseguiu empatar a partida.

FICHA DO JOGO

Tombense-MG 2×1 América

Motivo: Campeonato Mineiro – Rodada 9
Local: Antônio Guimarães de Almeida, Tombos (MG)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira
Auxiliares: Felipe Alan Costa de Oliveira e Vivaldi Pedro Baeta

Gol: Daniel Amorim e Keké (Tombense-MG); Anderson (América)
Cartões amarelos: Paulinho Dias, Moisés (Tombense-MG); Gustavo (América)

Tombense-MG
Felipe; David, Wesley Marth, Moisés (Matheus Lopes) e João Paulo (Manuel); Rodrigo, Paulinho Dias e Jhemerson (Marquinhos); Keké, Rodrigo Carioca (Everton) e Daniel Amorim (Rubens).
Técnico: Bruno Pivetti

América
Matheus Cavichioli; Diego Ferreira (Léo Passos), Eduardo Bauermann, Anderson e João Paulo (Ribamar); Zé Ricardo, Juninho e Alê (Juninho Valoura); Gustavo (Leandro Carvalho), Marcelo Toscano (Bruno Nazário) e Rodolfo.
Técnico: Lisca

Site ofical do América

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.