Sampaoli chega ao 40° jogo pelo Galo, comemora 24ª vitória e elogia ‘novo ataque’ alvinegro

Em seu 40° duelo à frente do Atlético, Jorge Sampaoli comemorou sua 24ª vitória – sete empates e nove derrotas completam o histórico

Sem Keno, lesionado, ele precisou recriar o ataque, composto neste domingo (31) por Vargas, Savarino e Sasha, e obteve êxito diante do Fortaleza.

Ao fim dos 2 a 0 para cima do Tricolor, fez questão de exaltar a atuação do sistema ofensivo.

“O ataque trabalhou bem. O Vargas tem boa diagonal e profundidade. É uma outra forma de ataque na ausência do Keno. O time perde a habilidade do Keno, mas ganha com a profundidade do Vargas. Creio que Vargas fez um bom primeiro tempo, fez diagonais, deu passes a Savarino e Sasha. Há diferença de característica. Temos que analisar muito bem o jogo e ver o que fazer”, destacou ele.

Ao que tudo indica, esta formação será mantida para o confronto de quarta-feira (3), com o Goiás, na Serrinha, pela 34ª rodada do Brasileirão. E Sampaoli está ciente de que será uma partida-chave para as pretensões do Galo na briga pelo título.

“O jogo de quarta-feira vai determinar muitas coisas. Será muito complicado. E a cada final temos que entender que nosso protagonismo será fundamental para ver onde o time termina. Primeiro nosso jogo; depois, nossos sonhos”, disse.

Com Thiago Prata

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.