Cruzeiro: Henrique está liberado e aguarda por chamado de Enderson

Jogador já recuperou condicionamento físico em treinos, e depende da comissão técnica para figurar entre opções

Henrique nasceu de novo após um acidente automobilístico no fim do mês de junho. O fato aconteceu pouco depois do atleta retornar ao Cruzeiro após empréstimo ao Fluminense. Desde então, ele vem passando por um processo de aprimoramento físico e também de cuidados. A queda de um penhasco não deixou sequelas ou traumas, apenas escoriações, mas os médicos decidiram manter um cronograma de recuperação.

Agora, Henrique está totalmente liberado, inclusive com um condicionamento melhor apurado e pronto para os desafios  que o Cruzeiro tem pela frente. Sua primeira aparição no grupo de relacionados depende agora do técnico Enderson Moreira. Experiente, o jogador recebeu o total aval do comandante para a volta ao clube e poderá ser uma peça para reforçar ou compor o meio-campo celeste nas situações e desafios que ainda aguardam o clube na temporada.

“O Henrique está totalmente liberado. Ele estava ‘destreinado’, mas agora já está treinado. Nível técnico bacana. Está muito bem fisicamente”, destacou Sérgio Campolina, médico do Cruzeiro, em contato com a reportagem do Super.FC.

Henrique voltou a treinar com o grupo do Cruzeiro no fim de julho e, desde então, vem sendo figura constante nas atividades na Toca da Raposa II. Nessa segunda-feira, por exemplo, participou dos treinamentos.

O jogador, antes do acidente, já vinha treinando normalmente com o elenco do Fluminense, que se preparava para a retomada do Campeonato Carioca. Essa é a terceira passagem do atleta pela Raposa. Aos 35 anos, o atleta vai encarar uma disputa pela vaga no meio, uma vez que Ariel Cabral e Jadsom vêm sendo os titulares. O time de Enderson Moreira volta a campo na próxima quinta-feira, quando recebe a Chapecoense, no Mineirão, às 21h, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

 

 

SuperFC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.