Marrony se destaca e Galo vence o Ceará pelo Brasileiro

Atacante marcou os dois gols da vitória do Atlético sobre o Vozão

O Atlético superou o calor que tomou Belo Horizonte nesse domingo (16) e venceu o Ceará por 2 a 0  na matinê do Mineirão com gols do atacante Marrony. O Galo conquistou a terceira vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro, igualando a marca de 2019, quando iniciou a Série A com três triunfos seguidos.

Com nove pontos, o Atlético subiu para a liderança do Brasileiro, podendo ser ultrapassado por Internacional e Athletico-PR na rodada ainda. Na sequência, Atlético e Ceará terão adversários cariocas. O Galo vai visitar o Botafogo na quarta (19), às 21h30. Já o Vozão, no dia seguinte, terá um compromisso em casa contra o Vasco.

Calor no Mineirão e primeiro tempo morno 

A temperatura no Mineirão beirou os 27º, com sensação térmica bem acima disso. O calor na capital mineira, porém, não dialogou com a temperatura do jogo. Em campo, a partida foi de morna para fria no primeiro tempo, sem ninguém para incendiar o duelo. Essa função ficou apenas com o sol mesmo.

Pelo que se propuseram a fazer, Atlético e Ceará tiveram êxitos distintos. O Galo apresentou um repertório ofensivo bem menor que nos duelos anteriores, sem muita criatividade no campo de ataque. À beira de campo, Sampaoli pediu mais aproximação de Marrony e mais presença no setor ofensivo.

Do outro lado, a calma de Guto Ferreira ilustrou bem como sua equipe foi obediente ao que se propôs a fazer no Mineirão. O Vozão teve consciência nas suas jogadas e maturidade defensiva para segurar o Atlético, tendo ainda algumas boas chances no contra-ataque.

Marrony salva matinê do Galo

Com bola rolando, a transição ofensiva do Atlético não funcionava no jogo. Sapaoli voltou com Guilherme Arana, poupado no começo do jogo, para o segundo tempo. Tirou o improvisado Allan da lateral esquerda e voltou retornou com o volante para o meio-campo.

Com um pouco mais de qualidade para subir ao ataque, o Atlético obedeceu um pedido feito pelo argentino ainda na parada técnica do primeiro tempo: aproximação a Marrony. O atacante fez bem a função de pivô na área e sofreu um pênalti, convertendo logo em seguida. Foi o primeiro gol de Marrony pelo Galo no Brasileiro.

No mesmo jogo, o atacante ampliou a própria conta. Em belo contra-ataque, Marrony liquidou a vitória atleticana após grande chance do Ceará. Como um todo, a atuação do Atlético frente ao Vozão foi inferior às apresentações contra Flamengo e Corinthians. Fosse pelo sol, pelas mudanças no time titular ou pela estratégia de Guto Ferreira, o Atlético não apresentou jogadas tão inspiradas e rápidas como em outros jogos, mas fez o dever de casa. No fim, é isso que importa.

ATLÉTICO 2×0 CEARÁ

Motivo: 3ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Arbitragem: Savio Pereira Sampaio, auxiliado por Daniel Henrique da Silva e Jose Reinaldo Nascimento. VAR: Wagner Reway (PB).

Atlético: Rafael; Guga, Réver, Júnior Alonso e Allan; Jair (Guilherme Arana), Alan Franco e Hyoran (Fábio Santos); Savarino (Marquinhos), Keno (Léo Sena) e Marrony.
Técnico: Jorge Sampaoli

Ceará: Fernando Prass; Samuel Xavier, Gabriel Lacerda, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; William Oliveira (Charles), Fabinho, Lima (Jacaré) e Sobral; Mateus Gonçalves e Rafael Sóbis (Cleber).
Técnico: Guto Ferreira

Gols: Marrony (27′ 2T) e (46′ 2T).

Cartões amarelos: Hyoran, Pablo Fernández (preparador físico), Guga (CAM); Guto Ferreira (técnico), William, Luiz Otávio, Fabinho (CEA).

 

 

SuperFC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.