Jogos das semifinais e finais do Mineiro serão em Belo Horizonte

No estado de Minas Gerais, só Mineirão e Independência, estádios de BH, estão aptos para uso do árbitro de vídeo (VAR)

A Federação Mineira de Futebol definiu que os jogos das semifinais e finais do Campeonato Mineiro serão disputados exclusivamente em Belo Horizonte. O artigo 47 do regulamento determina que essas partidas decisivas sejam realizadas em estádios homologados pela International Football Association Board (IFAB) para utilização do recurso do VAR, o árbitro de vídeo.

Em Minas Gerais, só Mineirão e Independência, estádios de BH, estão aptos para receber a tecnologia, que será usada a partir da reta decisiva do Estadual.

Até o momento, só o líder Tombense, de Tombos, com 23 pontos, e o América, com 22, estão classificados para as semifinais. As duas vagas restantes são disputadas por Caldense de Poços de Caldas, terceira, com 20; Atlético, quarto, com 19; e Cruzeiro, quinto, com 17.

Os clubes classificados e os confrontos serão conhecidos nesta quarta-feira, a partir das 21h30, no encerramento da primeira fase do Estadual. Os seis jogos da 11ª rodada serão realizados ao mesmo tempo.

Líder até o momento, o Tombense manda os jogos no Estádio Antônio Guimarães de Almeida, em Tombos, na Zona da Mata. Por sua vez, a Caldense, que tem boas chances de avançar às semifinais, utiliza o Ronaldo Junqueira, em Poços de Caldas. Os dois locais, no entanto, não estão aptos a receber o recurso do VAR, de acordo com a IFAB.

Até 2019, só o Dilzon Melo, em Varginha, estava autorizado a abrigar o árbitro de vídeo entre os estádios do interior de Minas Gerais. O Melão, como é conhecido, perdeu a condição depois que a CBF trocou a empresa responsável pelo trabalho de adaptação da tecnologia para a Série A do Brasileiro.

 

Superesportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.