Bom passe, treta com rival e polêmica superada: quem é Leo Sena, reforço do Galo

Volante foi anunciado pelo Atlético e chega com aprendizados por erros fora de campo, boa visão de jogo e com retrospecto de apimentar clássicos

O Atlético anunciou o volante Léo Sena, que estava no Goiás, nessa terça-feira (16). Um dos destaques do clube esmeraldino em 2019, o jogador de 24 anos foi um pedido do técnico Jorge Sampaoli e chega com grandes expectativas para o meio-campo do treinador argentino.

O único clube profissional que Léo Sena defendeu até então foi o Goiás. Por lá, viveu uma montanha-russa dentro de campo e se destacou pela habilidade técnica, mas também pelo comportamento delicado fora das quatro linhas. Mais maduro, chega ao Atlético com um vínculo firmado até 2025.

Léo Sena chamou a atenção do Goiás em uma edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior, quando ele atuava pelo Rio Claro (SP). Em 2016, teve sua primeira oportunidade no time principal do clube esmeraldino, com quem acabou conquistando o título do Campeonato Goiano. Léo Sena, inclusive, marcou um gol na decisão contra o Anápolis, único marcado na carreira profissional desde então.

Pontos de destaque e a evoluir

A característica ofensiva de Léo Sena é um ponto a melhorar. Não apenas pela ausência de gols, o que não se exige muito de volantes, mas principalmente pela participação nas jogadas de ataque da equipe.

O atleta pode crescer nesse aspecto, como analisa Charlie Pereira, comentarista da rádio Sagres, de Goiás, que acompanhou mais de perto a passagem do jogador pelo clube.

“Apesar de ser um segundo volante, precisa melhorar os números ofensivos, como assistência e gol. Uma reclamação que tem muito aqui é que às vezes ele prende muito a bola”, comentou.

Charlie destacou pontos positivos de Léo Sena. “Ele tem potencial. No ano passado foi a primeira Série A dele. Leo ficou três anos na Série B com o Goiás em times ruins. No primeiro ano que jogou Série A, se destacou. Ele, o goleiro Tadeu e o Michael foram os três destaques do time em 2019. Tem bom passe e boa visão de jogo”, completou.

Extracampo delicado e amadurecimento

A qualidade de Léo Sena dentro de campo é inegável, não à toa foi um pedido do técnico Jorge Sampaoli. No entanto, o atleta precisou amadurecer seu comportamento fora de campo. Em 2018, chegou a ter uma queda de rendimento, ficando na reserva do Goiás. O técnico Ney Franco foi importante para orientar o atleta.

“Em alguns momentos ele foi flagrado em boates, na noite. O Goiás sabia desse comportamento e orientava, mas não resolveu não. Em 2018, quando o Goiás conquistou o acesso, ele era reserva e recebeu uns puxões de orelha. O Ney Franco foi importante demais nisso e o Goiás deu uma chegada firme nesse comportamento dele”, comentou Charlie.

Por ver potencial em seu jogador, muitas foram as tentativas do Goiás para que ele retomasse o foco fora de campo, o que deu certo. O próprio Léo Sena chegou a falar em 2019, em entrevista coletiva no clube, sobre a avaliação que fazia de seu processo de amadurecimento. Na ocasião, ele tinha acabado de receber a braçadeira de capitão do técnico Claudinei Oliveira.

“Fora de campo precisei mudar para refletir em campo. Meus pais puxam muita minha orelha. Então, mudei fora e dentro estou colhendo os frutos. Nós aprendemos com os erros. Errei muito no passado, mas isso é bom para crescer. Essa faixa trouxe uma responsabilidade a mais”, disse Léo Sena na época.

Os pais de Léo Sena, inclusive, chegaram a se mudar para Goiás para acompanhar de perto o atleta ao ver que o volante não vinha tenho muita disciplina. As cobranças tiveram efeito.

Elemento a mais em clássicos

Assim como no estado de Goiás, em Minas Gerais o futebol é tem duas equipes que fazem o maior clássico regional. Mas, se antes o rival de Léo Sena era o Vila Nova, agora o cenário tem o Cruzeiro. O volante é daqueles que entram no clima de um clássico.

“Outro ponto é que ele gosta de provocar o rival. Aqui, ele normalmente provoca a torcida do Vila. No último clássico ele foi até expulso. A torcida do Vila tem muita birra com ele porque ele era quem mais provocava no Goiás”, destacou Charlie.

Léo Sena foi o primeiro jogador anunciado oficialmente pelo Atlético depois que Alexandre Mattos e Jorge Sampaoli foram contratados. O clube, porém, tem acertos encaminhados com o meia Alan Franco, com o zagueiro Bueno e com os atacantes Marrony e Keno.

Léo Sena 

Nome: Leonardo de Souza Sena
Data de nascimento: 31/12/1995
Posição: meio-campo
Naturalidade: São Paulo, SP
Clubes: Goiás (2016 a 2020) e Atlético (2020)
Títulos: Campeonato Goiano (2016, 17 e 18)

 

SuperFC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.