Após empate com Fortaleza, Cruzeiro vê risco de queda no Brasileiro aumentar; veja os números

Apesar desse aumento na possibilidade de rebaixamento, a Raposa pode deixar a zona de rebaixamento já na próxima rodada do Campeonato Brasileiro

Depois de duas vitórias seguidas (1 x 0 São Paulo e 2 x 1 Corinthians), o Cruzeiro freou a sequência de triunfos com um empate em casa contra o Fortaleza (1 a 1). Isso fez o risco de queda do time de Abel Braga crescer, já que os rivais diretos também ficaram na igualdade, casos de Ceará e Fluminense – clique aqui e confira todos os resultados.

Na última rodada, a possibilidade de rebaixamento da Raposa para a Série B do Campeonato Brasileiro era de 36,1%. Agora, é de 37,5%. Os cálculos são do Departamento de Matemática da UFMG.

Apesar disso, o Cruzeiro, 17º colocado, com 29 pontos, tem uma notícia positiva: pode deixar a zona de rebaixamento na próxima rodada com uma vitória simples sobre o Botafogo, nesta quinta-feira, às 21h30, no Engenhão.

Isso porque Fluminense, no 16º posto, com 30 pontos, e Ceará, no 15º, também com 30, mas com maior saldo de gols, se enfrentam na quarta-feira, às 21h30, no Castelão.

Um empate deixa cariocas e cearenses para trás em caso de vitória celeste. Se Vozão ou Tricolor triunfar, a Raposa passa à frente de quem perder.

Risco de rebaixamento (UFMG)

Avaí – 99,73%
Chapecoense – 99,08%
CSA – 76,5%
Cruzeiro – 37,5%
Fluminense – 31,9%
Ceará – 30,1%
Fortaleza – 12,7%
Botafogo – 9%
Atlético – 2,9%

Da redação:superesportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.