Atlético recebe Vasco no Horto para seguir recuperação e se aproximar do G6 do Brasileiro

Times se enfrentam nesta quarta-feira, em jogo adiado da 21ª rodada da Série A

Para se aproximar do G6 do Campeonato Brasileiro e voltar de vez à briga por uma vaga na Copa Libertadores de 2020, o Atlético tem uma partida crucial nesta quarta-feira, a partir das 19h15. No Independência, a equipe recebe o Vasco, em jogo adiado da 21ª rodada.

O Atlético ocupa a 10ª posição, com 30 pontos – sete a menos que o Bahia, sexto colocado. Vencer significaria ao time alvinegro ultrapassar o Athletico-PR e chegar ao nono lugar na tabela. São Paulo (sétimo, com 36 pontos) e Grêmio (oitavo, com 34) também lutam por uma posição entre os seis melhores, que se classificam para o torneio continental.

Para embalar

Após seis derrotas seguidas na Série A, o Atlético venceu por 2 a 1 o Ceará no último domingo, no Independência. A partida contra o Vasco é vista como a chance de a equipe do técnico Rodrigo Santana deixar as desconfianças de lado e manter a recuperação iniciada no fim de semana.
Comandante e elenco seguem sob desconfiança por conta da irregularidade no Campeonato Brasileiro e da eliminação para o Colón-ARG na semifinal da Copa Sul-Americana, na última semana.
A expectativa, porém, é que o público seja melhor que o do jogo contra o Ceará. Diante da equipe nordestina, pouco mais de 6 mil torcedores foram ao Independência. A partida ficou marcada por protesto de organizadas, que não entraram no estádio.

Mudança

A tendência é que o técnico Rodrigo Santana mantenha a base da equipe que iniciou o jogo contra o Ceará. A única mudança certa é a saída de Chará do time titular. Com estiramento no músculo anterior da coxa direita, o colombiano está vetado. A tendência é que Otero – que o substituiu na última partida – fique com a vaga.
No meio, Nathan ganhará sequência improvisado como primeiro volante. Testado no setor contra o Ceará, o jogador – que originalmente atua mais avançado, na linha de meias – recebeu elogios ao desempenhar a função de Jair, lesionado.
“Quem me ajudou muito foi o Adilson(ex-volante, que atualmente integra a comissão técnica), falando que eu tinha que fazer as leituras das jogadas, chegar antes na jogada. Agora eu pretendo crescer e, se for para jogar nessa posição, eu estou à disposição. Mantém o mesmo clima de foco, todo mundo com o mesmo objetivo de chegar ao G4 o mais rápido possível. Sabemos que está uma distância um pouco grande, mas a gente vai trabalhar, lutar, concentrar e tentar diminuir esses pontos”, disse Nathan.

O adversário

<i>(Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)</i>

Com apenas uma vitória nos últimos cinco jogos, o Vasco do técnico Vanderlei Luxemburgo luta para se afastar da zona de rebaixamento. A equipe cruzmaltina ocupa a 14ª colocação, com 24 pontos, e pode ultrapassar o Fortaleza a depender do resultado da partida contra o Atlético.

Titular, o lateral-esquerdo Danilo Barcelos está fora do jogo, já que está emprestado ao Vasco pelo Atlético. Henrique o substituirá. Clayton, outro com direitos econômicos ligados ao clube mineiro, também não vai para a partida.

ATLÉTICO X VASCO

Atlético
Cleiton; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Nathan e Elias; Luan, Cazares e Otero; Franco Di Santo
Técnico: Rodrigo Santana
Vasco
%u200BFernando Miguel; Yago Pikachu, Werley, Leandro Castán e Henrique; Richard, Raul e Marcos Junior; Rossi, Ribamar e Talles Magno
Técnico: Vanderlei Luxemburgo
Motivo: 21ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Independência, em Belo Horizonte
Data e horário: quarta-feira, 2 de outubro de 2019, às 19h15
Árbitro: Héber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Éder Alexandre (SC) e Johnny Barros de Oliveira (SC)
VAR: Rodrigo D’alonso Ferreira (SC)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.