Rival celeste, La U tem ex-Cruzeiro, atleta com Mineirão na pele e apenas 2 derrotas

Próximo compromisso celeste será em Santiago contra Universidad de Chile

A Universidad de Chile será o próximo adversário do Cruzeiro na Copa Libertadores. O confronto, que ocorrerá em Santiago, nesta quinta-feira, às 21h30, ganhou contornos decisivos para o clube mineiro, que está em situação delicada na competição.

Ganhar da La U não será tarefa fácil para o Cruzeiro. O time chileno perdeu apenas duas vezes em 2018, ambas pelo Campeonato Chileno.

A derrota custou caro à La U, que viu a Universidad Católica assumir a ponta do torneio.

Pela Libertadores, o time chileno venceu o Vasco fora de casa por 1 a 0 e empatou em Santiago com o Racing (1 a 1). Se vencer o Cruzeiro, La U se aproxima da classificação para as oitavas de final, deixando a Raposa muito distante da vaga.

Último do Grupo 5, com 1 ponto, o Cruzeiro precisa da vitória. Racing e La U lideram a chave, com 4 pontos. Assim como a Raposa, o Vasco também tem um ponto.

A Universidad de Chile tem alguns jogadores conhecidos do futebol brasileiro. Um deles é o zagueiro Rafael Vaz, ex-Vasco e Flamengo. O defensor é titular o time. Outro ainda mais próximo da realidade celeste é o volante Felipe Seymour. Ele jogou no Cruzeiro em 2015. Fez apenas três jogos: um pela Libertadores, outro pelo Brasileiro e mais um no Mineiro. Seymour não deixou boas lembranças. Aos 30 anos, ele é útil à La U, mas não é considerado titular. Disputou cinco jogos em 2018.

O jogador mais perigoso do time é o artilheiro Mauricio Pinilla, com cinco gols na temporada. Ele tem uma história curiosa com o estádio Mineirão. Em jogo das oitavas de final da Copa do Mundo de 2014, o atacante acertou um chute no travessão do Brasil, no último minuto da prorrogação. Apesar da eliminação chilena nos pênaltis, ele eternizou seu chute em uma tatuagem.

Pinilla fez a tatuagem nas costas e colocou, em inglês, a descrição: “Um centímetro da glória”. Ele ainda fez outros dois ‘desenhos’ no corpo: “Blessed” (abençoado) e “For life” (para a vida).

Foto: Web

Foto: Web

O curioso é que o momento que poderia ser visto como um fracasso, pelo erro na finalização e pela eliminação do Chile, foi encarado com muito orgulho pelo atacante da La U, que ainda errou um pênalti na disputa alternada.

O atacante virou até garoto-propaganda. Uma empresa de telefonia móvel contratou o jogador para ‘roubar’ a trave do Mineirão e destruí-la. As cenas são dignas de um filme de ação de Hollyood, com helicópteros e efeitos especiais. Na fuga do estádio acontece uma perseguição envolvendo viaturas da PMMG. O vídeo (veja abaixo) termina com uma surpresa e uma provocação ao Brasil, por conta da goleada sofrida para os alemães nas semifinais.

A TEMPORADA 2018 DA UNIVERSIDAD DE CHILE

11 jogos
8 vitórias
1 empate
2 derrotas

19 gols
12  gols sofridos

Copa Libertadores

2 jogos
1 vitória:
 Vasco
1 empate: Racing

Campeonato Chileno

9 jogos
7 vitórias: Deportes Iquique, San Luis de Quillota, Temuco, Antofagasta, Everton, Audax Italiano e Curicó Unido
2 derrotas: Unión Española e Colo Colo

Da redação:superesportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm