Análise: destaque contra o Flu, Thiago Neves fica a uma assistência de meta

Com um gol e dois passes decisivos, meia comanda virada do Cruzeiro, deixa marcas pessoais em segundo plano e valoriza importância de terminar o Brasileiro no alto da tabela

Em meados de outubro, Thiago Neves disse que, para não atrapalhar o time nessa reta final de Campeonato Brasileiro, deixaria de lado a meta traçada por ele quando foi apresentado no Cruzeiro, de marcar 20 gols e dar 15 assistências: “Se eu for egoísta, fominha, vou atrapalhar o time”, disse na oportunidade.

É bom lembrar que os números estipulados pelo meia no início da temporada não foram uma promessa, mas sim metas pessoais que teria como uma espécie de referência. Neves, que tinha 13 gols e 12 assistências quando disse que não seria egoísta para tentar alcançar os números, até comentou que tentaria atingir o número de assistências que havia estipulado.

De lá para cá, TN30 balançou as redes adversárias duas vezes e deu dois passes para gols. Atrapalhar o time é algo que o meia não tem feito mesmo. Pelo contrário. No domingo, contra o Fluminense, seu ex-clube, no Mineirão, comandou a virada cruzeirense. Dos pés de Thiago Neves saíram um gol e duas assistências, para os gols de Lucas Romero e Diogo Barbosa.

Desta forma, restando quatro jogos para o Cruzeiro disputar nesta temporada (contra Avaí, Vitória, Vasco e Botafogo), todos pelo Campeonato Brasileiro, Thiago Neves, que esteve em campo 54 vezes este ano, está a uma assistência de alcançar o que foi traçado (15) e a cinco gols dos 20 que havia citado em janeiro.

– É, está pertinho (das 15 assistências no ano). Eu fico feliz que os gols e as assistências estão saindo, mas o mais importante era ganhar do Fluminense, depois de um jogo muito ruim contra o Flamengo, no Rio. A gente precisava ganhar dentro de casa, pra que o torcedor voltasse aqui no Mineirão na quarta-feira (contra o Avaí), importante somar esses três pontos, porque a gente quer subir ainda mais tabela – disse o meia ao GloboEsporte.com, mostrando que as metas pessoais estão mesmo em um segundo plano.

Atingindo ou não as metas que estipulou, certo é que Thiago Neves vem cumprindo, e muito bem, aquilo que era esperado pela torcida cruzeirense ao ser anunciado como o grande reforço do time pela diretoria, em janeiro, para a temporada 2017. O jogador tem sido o camisa 10 (apesar de vestir o número 30) que tem a função de armar as jogadas de ataque e também fazer os seus gols.

Junto com o elenco comandado por Mano Menezes, o meia foi peça importante na conquista do pentacampeonato da Copa do Brasil – inclusive foi dele a cobrança de penalidade decisiva contra o Flamengo -, além da boa campanha da Raposa no Campeonato Brasileiro.

Da Redação, com globoesporte.com

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm